Associação

Associação

 Orquestra de Bandolins da Madeira, pertence à Associação Recreio Musical União da Mocidade. Nasceu  com a fundação da Associação em 18 de Fevereiro de 1913, e tem sede na freguesia de São Roque, cidade do Funchal - Madeira.

    A Orquestra de Bandolins tem conseguido envolver e cativar a juventude local para um  projeto que nos distingue, nesta área, como região de excelência no  seio da comunidade europeia. A aposta na formação e na qualidade vem permitindo a realização de meia centena de concertos anualmente, ao longo dos últimos dezasseis anos.

    Em finais dos anos vinte o empenho e criatividade do Maestro Ernesto Serrão contribuiram decisivamente para o relançamento da Orquestra, que dirigiu entre 1924 e finais de 1935.
    Sem nunca interromper a atividade e já nos anos setenta, a Associação estende o ensino da música ao sexo feminino, criando uma nova dinâmica, que desde então vem envolvendo toda a coletividade.
    Obtém a primeira internacionalização em 1994, ao participar no V Festival Internacional de Orquestras “FRANCISCO TÀRREGA” em Valência, Espanha.
        Em Fevereiro de 1996, por ocasião do 83º. aniversário da associação, edita o primeiro CD. Desde então editou outros quatro CD’S e dois DVD’S.
     Em Maio de 2002 realiza uma tournée pelo Sul de Inglaterra, realizando oito concertos em Weston Super Mare, Bristol, Bath, Wells, Salisbury, Portsmouth, Maidenhead e na capela de St. Georges em Windsor, este último integrado nas comemorações oficiais do Jubileu da Rainha de Inglaterra.
     Em Abril de 2005 realiza um concerto no Mosteiro dos Jerónimos - Lisboa, integrado nas comemorações dos 500 anos do Monumento. Ainda nesse ano participa no 39º Festival Internacional de Música de Plectro de Logroño, Espanha.
     Em Julho de 2006 participa no VI Festival Internacional de Orquestras de Bandolins em Remiremont, França.

     Em Setembro de 2007 realizou um concerto no Teatro de DIE BUHNE, na cidade de St. Polten, Áustria, no âmbito de Festival Hofe.
     Em finais de Junho de 2009 realiza dois concertos no “Festival ao Largo” no Teatro Nacional São Carlos, Lisboa, com a participação do Tenor Carlos Guilherme e do Maestro e Compositor Jorge Salgueiro.
    Em Julho realizou a segunda tournée por Inglaterra na companhia do Tenor Carlos Guilherme, realizando dez concertos em St. Paul’s Church Knightsbridge, Petersfield Utd Reformed Church, Town Hall Maldon Essex, Albert Hall Nottingham, Holy Trinity Huddersfield, The Grand Clitheroe, Brangwyn Hall Swansea, Lichfield Garrick Lichfield, The Forum Bath, St Georges Bristol.
    Em Setembro de 2011 estreou o grande Auditório do CCB e realiza o Concerto Comemorativo dos 30 anos de carreira do Tenor Carlos Guilherme com a participação da Soprano Elisabete Matos, os Maestros João Paulo Santos e Armando Vidal, o Barítono João Merino, o Fadista António Pinto Pasto e o Cantor Telmo Monteiro.
    Em Junho de 2012 foi convidada a participar com um concerto no XXXIII Festival de “Música da Madeira”.
    Em Fevereiro de 2013 celebrou o Centenário da sua fundação com um Concerto de Gala assinalado com a estreia de “O Fogo, a Dança e o Impossível” do Compositor Jorge Salgueiro. Na ocasião recebe das mãos do Presidente do Governo Regional a Insígnia Autonómica de Distinção - Cordão (Medalha de Ouro).
    Em Agosto, por ocasião do 505º Aniversário da Cidade do Funchal, foi distinguida com a Medalha de Mérito Municipal - Ouro.
    Em Setembro do mesmo ano foi distinguida com com a Medalha de Mérito Turístico - Ouro, pela Secretaria Regional da Cultura e Turismo.
    Em Julho de 2014, a convite do Governo Regional, realizou um concerto comemorativo do dia da Região Autónoma da Madeira e das Comunidades Madeirenses.
    Em Março de 2015 completou vinte e dois anos consecutivos a realizar concertos na Cidade do Funchal. Atualmente a Orquestra de Bandolins da Madeira realiza concertos todas as Quartas-feiras e alguns concertos especiais no Auditório do Centro de Congressos da Madeira - Casino.
    Eurico Martins foi o grande responsável pela formação de todos os músicos e dirigiu  a Orquestra entre 1994 a 2014.
    Infelizmente para a Orquestra de Bandolins da Madeira, perdeu-se um grande Maestro, Músico e Homem. O Maestro Eurico Martins faleceu em Dezembro de 2014 e a Direção da Orquestra de Bandolins está a cargo do seu filho, André Martins, um jovem talentoso de 21 anos que segue os caminhos do seu pai na instrução e arranjos musicais do repertório da Orquestra.